Sexta-feira da Paixão: coronavírus, somos humanamente marcados pela vulnerabilidade

POSTADO EM 10 de Abril de 2020

Jesus segue para o Calvário, carregando a cruz nas costas, o peso dos nossos pecados. Estamos carregando hoje o peso da cruz desse tempo marcado pelo Covid-19.

Mariangela Jaguraba - Cidade do Vaticano

A Igreja recorda nesta Sexta-feira Santa a Paixão e Morte de Jesus. Este é um dia santo diferente, marcado pela pandemia de Covid-19 que impede as pessoas de se reunirem para celebrar o mistério da Paixão de Cristo, como se faz habitualmente na Semana Santa.

Jesus segue para o Calvário, carregando a cruz nas costas, o peso dos nossos pecados. A sua morte é o preço da nossa salvação.   Quantas pessoas hoje carregam a cruz da doença, neste tempo de coronavírus. Morrem nos hospitais sem a presença de uma pessoa da família que lhe esteja próximo no momento da morte. Quantos médicos e enfermeiros estão arriscando suas vidas, trabalhando horas sem descanso, numa corrida contra o tempo para salvar a vida dessas pessoas.

© Copyright 2020. Desenvolvido por Cúria Online do Brasil